INDICAÇÕES DOS ESTUDANTES DE CURSOS DE LICENCIATURA SOBRE A FORMAÇÃO PARA A DOCENCIA

BORDINHÃO, Keoma Yoshio de Paula1; ROMANOWSKI, Joana Paulin2;

Resumo

Introdução:O objeto de estudo dessa pesquisa são os processos de formação de professores realizados nos cursos de licenciaturas sob a ótica dos estudantes. A principal se expressa do seguinte modo: que processos de formação são focalizados nos cursos de licenciatura?

Objetivo:compreender como se constituem os processos de formação de professores nos cursos de licenciatura, com o apoio de dois objetivos específicos: Identificar como os estudantes de cursos de licenciatura expressam os processos de formação de professores desenvolvidos nesses cursos; Ampliar os conhecimentos sobre concepções de formação de professores indicados nos referenciais do campo de formação docente.

Metodologia:A metodologia empregada na pesquisa é de abordagem qualitativa. Os dados do campo empírico foram coletados por meio de questionário aplicado a estudantes em formação de uma instituição privada de ensino. As perguntas foram compostas por 19 questões objetivas de caráter exploratório e 1 descritiva referente ao desenvolvimento das aulas. Foram aplicados 13 questionários para estudantes de diferentes cursos de licenciatura. A análise foi feita por meio de interpretação das respostas obtidas.

Resultados:Nos resultados foram evidenciados que os processos de formação incidem na teoria como aporte fundamental para o entendimento da prática. As práticas são vivenciadas por muitos a partir dos estágios remunerados ou até mesmo o estágio supervisionado. Destaque para a inserção das tecnologias nas aulas dos cursos e o foco em conteúdos direcionados à formação dos professores. Estes aspectos são relevantes pois são as bases para a criação da identidade profissional descrita por Terrazan; Dutra; Winch; Silva (2008) e André (2010).

Conclusões:Ao analisar os dados coletados durante a pesquisa, que os alunos compreendem a importância das aulas serem dialógicas, com debates e leituras, em que a relação professor-aluno se efetiva por meio de trocas e não de imposição. Ainda assim, identificou-se que mesmo com tantas pesquisas sobre a temática, há muito o que melhorar, especialmente nos processos de formação, especialmente nos processos que valorizem as experiências dos estudantes.

Palavras-chave: Processos de formação docente. Cursos de licenciatura. Relação teoria e prática. Identidade profissifissional. Relação universidade-escola.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador