ANÁLISE DA ASSOCIAÇÃO DO POLIMORFISMO RS2227538 DO GENE IL8 COM A DOENÇA RENAL CRÔNICA

LUHRS, Isadora Francio1; TREVILATTO, Paula Cristina 3; SOUZA, Cleber Machado de 3; HUK, Valéria Kruchelski2;

Resumo

Introdução:A Doença Renal Crônica (DRC) é uma condição complexa na qual fatores ambientais e genéticos estão envolvidos. Os pacientes renais crônicos têm alterações fisiológicas, devido à perda da função renal, que levam a um aumento na produção de citocinas inflamatórias. Tem sido sugerido que polimorfismos genéticos em genes de citocinas candidatas possam ajudar a compreender a variação do padrão inflamatório observado nesses pacientes. A interleucina-8 é uma citocina, codificada pelo gene IL8, que está localizado no cromossomo 4. Essa citocina tem propriedade quimioatraente para neutrófilos desempenhando um papel importante na resposta inflamatória.

Objetivo:O objetivo desse trabalho é investigar a associação do polimorfismo rs2227538 do gene IL8 com a DRC.

Metodologia:Neste estudo observacional caso-controle, foi selecionada uma amostra de 242 indivíduos. Esses indivíduos foram divididos em dois grupos: grupo caso, apresentando 120 pacientes com DRC - estágio 5 em hemodiálise (HD) e grupo controle, com 122 indivíduos sem DRC (taxa de filtração glomerular > 90 ml/min estimada de acordo com a fórmula MDRD,). Os pacientes assinaram o termo de consentimento livre e esclarecido e responderam a um questionário para obtenção de dados epidemiológicos. O marcador do tipo tag SNPs do gene IL8 foi selecionado de acordo com a informação disponível no site do International HapMap Project, seguindo os critérios: frequência alélica mínima de 5%, população Africana (YRI) e DL de r2=0,8. A análise estatística foi realizada por meio do software SPSS. O teste de U de Mann-Whitney foi usado para variáveis quantitativas. As variáveis categóricas foram analisadas pelo teste qui-quadrado de Pearson. Valores de p<0,05 foram considerados significantes.

Resultados:A análise dos resultados da pesquisa mostrou que houve diferença estatística entre os grupos caso e controle para as variáveis epidemiológicas gênero (p=0.000) e idade (p=0.000). Não foi observada associação do rs2227538 do gene IL8 com a DRC, no modelo aditivo.

Conclusões:Este foi o primeiro estudo investigando a associação do polimorfismo rs2227538 com a DRC, especialmente na população brasileira. A investigação de polimorfismos genéticos é de extrema importância para compreensão da etiologia e progressão da doença, uma vez que o papel inflamatório na doença renal crônica é incontestável. Além disso, a associação de algum polimorfismo genético pode, futuramente, ser considerado um biomarcador prognóstico importante para a doença.

Palavras-chave:Doença Renal Crônica. Polimorfismo Genético. Interleucina 8

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador
    3. Colaborador