PROJETO DE DISPOSITIVO DE APOIO PROTÉTICO

GRDEN, Rodolfo Tadeu1; MOGGIO, IAN HUDSON 3; BOTELHO, MARCELO DE MORAES 3; POTERIKO, Geane Aparecida 3; FREITAS, Wellignton Moura 3; OKUMURA, Maria Lucia Miyake2;

Resumo

Introdução:Levando em conta o cenário competitivo do mercado, o Processo de Desenvolvimento Integrado de Produtos (PDIP) e o Projeto de Produtos de Engenharia são indispensáveis. Assim, o PDIP está presente também para elaboração dos produtos orientados para acessibilidade e Tecnologia Assistiva.

Objetivo:A pesquisa teve como objetivo geral a elaboração do processo de desenvolvimento de dispositivo de apoio protético para pessoas com agenesia dos membros superiores. Para alcançar o objetivo principal, foi definido os objetivos específicos e dentre eles estão: determinar a utilidade do dispositivo, analisar pelo método de observação as habilidades e dificuldades do público alvo e paralelamente realizar a revisão bibliográfica, após isso, delinear o design do protótipo e após alinhar o design com os conceitos revisados, fazer a concepção do dispositivo imprimindo o mesmo em impressora 3D para realização de testes e averiguação dos pressupostos.

Metodologia:Para determinação da utilidade funcional do dispositivo foi direcionado para análise das habilidades, movimentos, e dificuldades da pessoa com deficiência, provido de pesquisa observacional. Por meio de “brainstorming” obteve o conceito do design do dispositivo. Em paralelo com a análise, iniciou-se a revisão bibliográfica para sustentação do projeto e maior assertividade do design. Com isso, foi elaborado um fluxograma dos processos de desenvolvimento do dispositivo e através do aplicativo Solidworks foi elaborado a prototipagem virtual, gerando assim um ciclo de melhorias com atualizações e alterações de forma que alinhasse a revisão bibliográfica com o design do dispositivo. Partindo para a fabricação através de prototipagem rápida, voltou-se ao mesmo ciclo, mas agora contendo os testes como “protagonistas” (os mesmos foram realizados através de simulação da realidade).

Resultados:Obteve-se um protótipo do dispositivo finalizado, funcional e de baixo custo, permitindo a possibilidade da pessoa com deficiência de ter mais autonomia de suas próprias atividades básicas de comunicação e entretenimento proporcionado pelo smartphone.

Conclusões:A conscientização de inclusão social e as dificuldades do tema geral em acessibilidade, ressalta-se que pessoas com limitação física dependem de produtos de tecnologia assistiva para realizar atividades tarefas básicas do cotidiano. Deste modo, o estudo realizado contribui para que o público alvo tenha maior autonomia possibilitando usufruir dos benefícios do smartphone e isso conquistado através de um dispositivo acessível, de baixo custo e montagem facilitada. O projeto do dispositivo foi encaminhado para o processo de patente.

Palavras-chave: Dispositivo de apoio protético. Tecnologia Assistiva. Pessoa com deficiência. Processo de Desenvolvimento de Produto. Impressão 3D.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador
    3. Colaborador