PROPOSTA DE INOVAÇÃO SOCIAL POR MEIO DO EMPREENDIMENTO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA FORMIGUINHAS DA ARTE

ABE, Caroline1; TEIXEIRA, Camila Ferreira da Costa2;

Resumo

Introdução:O presente projeto de pesquisa trata-se da influência do design para a inovação social, para aplicação da metodologia do design no Empreendimento de Economia Solidária “Formiguinhas da Arte”.

Objetivo:a.Objetivo geral: Desenvolver e capacitar os artesãos do Empreendimento Solidário “Formiguinhas da Arte” a fim de proporcionar uma nova perspectiva social. b.Objetivos específicos: Levantar dados bibliográficos sobre inovação social, design para inovação social e a relação de design e artesanato.Realizar diagnóstico do Empreendimento “Formiguinhas da Arte”. Analisar os dados obtidos por meio do diagnóstico realizado no Empreendimento “Formiguinhas da Arte”. Planejar, desenvolver e implementar a capacitação técnica por meio de curso de extensão especifico para os artesãos do Empreendimento “Formiguinhas da Arte”. Analisar e discutir os resultados a partir da fundamentação teórica e da capacitação técnica implementada aos artesãos.

Metodologia:A partir do levantamento de dados bibliográficos sobre inovação social, design para a inovação social e relação entre design e artesanato, foi realizado um diagnóstico do Empreendimento “Formiguinhas da Arte”, a fim de avaliar o artesanato, a produção e a historia dos artesãos. Desse modo, foi possível planejar, desenvolver e implementar o curso de extensão Design e Artesanato. A metodologia utilizada foi baseada no título de Imbroisi (2011).

Resultados:A primeira etapa, o diagnóstico, foi executada a partir de uma visita técnica no local do empreendimento, onde foram aplicados questionários de caráter qualitativo para análise do perfil dos artesãos e estudo dos produtos que desenvolvem. Em seguida, observou-se as principais dificuldades e desejos dos artesãos para o planejamento e aplicação do curso de extensão, realizado na PUC-PR, totalizando 5 encontros com duração de duas horas cada. As oficinas trataram de temas como linha de produto, coleção, gestão comercial, preficicação, divulgação, e a capacitação técnica trouxe uma nova técnica apresentada pela designer e artesã Natalia Petry.

Conclusões:O curso de extensão proporcionou uma nova perspectiva sobre o mercado, além da prática do artesanato. Foi responsável, principalmente, por aprimorar a metodologia do empreendimento no desenvolvimento de linha de produto, estimular o diálogo, a união e envolvimento entre os artesãos.

Palavras-chave:Design. Inovação social. Artesanato.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador