AVALIAÇÃO DE EFEITOS ADVERSOS, RECIDIVA E SOBREVIDA DE CÃES TRATADOS COM DICLOROACETATO DE SÓDIO COMO TERAPIA ADJUVANTE NO TRATAMENTO DE MASTOCITOMAS E NEOPLASIAS MAMÁRIAS

STEFANONI, Mariana1; FILHO, Jair Rodini Engracia2;

Resumo

Introdução:Os mastocitomas e tumores de mama são as neoplasias que mais acometem os cães. São caracterizadas por muitas vezes terem alta malignidade, requerendo assim grande atenção e cuidados por parte dos tutores e, principalmente dos médicos veterinários. Estudos sobre novas possibilidades de tratamento para estas doenças têm sido amplamente desenvolvidos e, neste sentido, o uso do Dicloroacetato de Sódio (DCA) vem despertando a atenção dos pesquisadores desta área. O DCA age na produção de energia das células neoplásicas, uma vez que realiza troca metabólica da glicólise citoplasmática para fosforilação oxidativa mitocondrial. Dessa forma, o medicamento demonstrou efeitos de estimulação de autofagia, redução de metástase e redução na multiplicação de células indiferenciadas (VELLA et al., 2011). Além disso, sua ação está relacionada com redução da excreção de lactato, o que deixa o ambiente desfavorável para a disseminação de células neoplásicas (LIN et a.l,2014).

Objetivo:O presente projeto tem por objetivo estudar a resposta clínica terapêutica do composto DCA no tratamento adjuvante de neoplasias mamárias e mastocitomas cutâneos em cães.

Metodologia:Foram selecionados onze animais para receber a administração de 10 mg/kg do medicamento antes da exérese tumoral durante 15 dias. O projeto descrito se baseou na análise da resposta clínica dos pacientes por meio de avaliações da mensuração tumoral antes e após o tratamento com DCA, possível redução de volume tumoral, possíveis efeitos adversos, taxa de recidiva, e sobrevida dos pacientes participantes.

Resultados:Observou-se que todos pacientes que realizaram tratamento com o composto tiveram redução do volume tumoral. Os pacientes diagnosticados com mastocitomas tiveram maior redução do volume tumoral. Não houve alterações significativas nos valores de hematócrito, bioquímicos e alterações gastrointestinais nos pacientes, o que evidencia segurança do medicamento.

Conclusões:O DCA demonstrou ter potencial como medicamento para tratamento adjuvante da neoplasia, especialmente para possível redução do tamanho tumoral no período pré-operatório de mastocitomas. Recomendam-se estudos posteriores para avaliação da eficácia e segurança do uso de DCA a longo prazo em cães diagnostico de mastocitoma cutâneo e tumores mamários.

Palavras-chave:DCA. Dicloroacetato de sódio. Tumor mamário. Mastocitoma.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador