PERFIL DA AUTOMEDICAÇÃO ENTRE ESTUDANTES DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO.

TEIXEIRA, Ana Caroline Lopes1; EFING, Ana Carla2;

Resumo

Introdução:A automedicação pode ser definida como uma prática na qual o indivíduo toma a iniciativa de utilizar medicamentos sem a prescrição por um profissional habilitado. A automedicação, é vista muitas vezes como um alívio rápido de alguns sintomas, contudo esta prática pode acarretar problemas para a saúde como intoxicações, reações adversas, reações alérgicas ou até mesmo mascarar sintomas e retardar diagnostico de alguma doença.

Objetivo:Conhecer o perfil de automedicação entre os acadêmicos do curso de engenharia de produção de uma universidade do sul do Brasil.

Metodologia:Foram elaborados e aplicados 120 questionários com 20 perguntas relacionadas a automedicação, aplicados presencialmente em diferentes períodos dentre manhã e noite para os estudantes de engenharia de produção. Os dados foram transferidos para a plataforma Qualtrics, os resultados obtidos foram organizados e analisados e comparados com a literatura.

Resultados:89% dos participantes fizeram uso da automedicação nos últimos 12 meses, dentre os que recorreram a automedicação, 30% relataram que fizeram uso de no mínimo 3 a 5 vezes nesse período, o sintoma mais apontado como finalidade da procura da automedicação foi dor de cabeça, seguido de dor de garganta, gripe ou resfriado, dentre os medicamentos utilizados pelos estudantes, o mais citado foi o paracetamol que estava presente em 23,1% das respostas.

Conclusões:O Paracetamol é o principal medicamento associado à falência hepática, portanto deve se tomar cuidado com uso excessivo e contínuo e figura também entre os compostos que mais causam intoxicações medicamentosas. O quadro verificado de alta incidência de uso sem orientação reforça a importância do farmacêutico presente para orientar os pacientes sobre os riscos do uso indiscriminado deste e de outros medicamentos assim como orientar sobre doses adequadas e cuidados necessários, a fim de que se promova o uso seguro e eficaz dos medicamentos.

Palavras-chave:Automedicação. Atenção Farmacêutica. Assistência Farmacêutica. Acadêmicos

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador